2 comentários:
De Maria Araújo a 19 de Dezembro de 2011 às 21:55
Vi uma reportagem sobre a vida dela.
Continuava a ser a mesma, mesmo longe da sua terra natal.
Tudo tem um fim. mas a sôdade ficará, certamente, para todo o povo Cabo Verdiano.

P.S. Há quanto tempo não a espreitava...não fosse os recortes do Sapo.

Beijinho
De Inês ;) a 17 de Abril de 2012 às 09:33
:) Tens miminho para ti no meu cantinho!!!

Comentar post