Sexta-feira, 27 de Outubro de 2006

Sou uma fraca

Sim, eu sei, sou uma fraca!

Não consigo resistir quando me acenas com a possibilidade de alguns míseros momentos juntos.

Deixo tudo e todos e corro até ti, qual cãozito atrás do dono. Tu não te esforças e eu, eu faço malabarismos para conseguir chegar até ti.

Acho que o meu amor próprio e auto-estima , mergulharam no rio Mondego e a esta altura já estarão afogados no oceano.

Mas, confesso que não te consigo entender de todo. Chamas-me de "Meu Amor", em conversa confirmas que me amas e depois perdes-te nas ruas da nossa querida cidade de Coimbra, ou em qualquer estrada do país, sem deixares rasto.

Se faço, como dizes parte da tua vida, porque me abandonas desta forma? Será que peço demais?

Os momentos contigo são maravilhosos, intensos (como tu dizes). Mas, depois, vem o vazio a escuridão, a insegurança, a esperança e a desilusão.

Será que nos falta coragem para assumirmos aquilo que sentimos? Será que estamos a viver uma mentira?

Não sei...

Apenas sei o que sinto. E, o que sinto é que o teu futuro e o meu estão ligados.

Como? Não sei!

Mas, apesar de tudo, da confusão de pensamentos e de sentimentos, certeza é o amor que me liga a ti.

QUERO-TE MUITO!

tags:
escrito por Eusinha às 18:17

link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

.mais sobre o meu "eu"

.pesquisar no meu cantinho

 

.Novembro 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.escritos recentes

. Sou uma fraca

.coisas que eu já escrevi

.tags

. todas as tags

.favorito

. De dois em dois o caracol...

. Como irritar o signo de …

. O que alguém escreveu sob...

. Saudade

. Pensamento (meu) sobre o ...

. Paixão Motard

. DEDICADO A TI; AMIGA

. Sinto falta

. Abraço

. Sim...

blogs SAPO

.subscrever feeds